Alt

Nome: Nuno Mota Pinto

Funções: Representante do Diretor Executivo do Banco Mundial para Itália, Grécia, Malta, Portugal, San Marino e Timor-Leste

Áreas de especialidade: Mecanismos financeiros para o desenvolvimento, crescimento económico, globalização, redução da pobreza, abordagens económicas e movimentos cívicos e políticos em crises financeiras


Nuno Mota Pinto é o Representante do Diretor Executivo do Banco Mundial para Itália, Grécia, Malta, Portugal, San Marino e Timor-Leste, desde 2003.

Na última década, trabalhou nas áreas de financiamento para o desenvolvimento, globalização, redução da pobreza, estratégias nacionais e desafios globais e abordagens às crises económicas e financeiras, especialmente no Banco Mundial e no Fundo Monetário Internacional (FMI).

Mota Pinto iniciou a sua carreira em 1994 e, durante uma década, trabalhou como analista financeiro no Banco Português de Investimento, S.A., um banco de investimento português, tendo-se especializado em áreas de investimento e em atividades bancárias comerciais. Antes de ser nomeado Representante do Diretor Executivo, exerceu funções como Vice-Diretor de Project Finance, no Departamento Bancário Institucional e Municipal. 

Mota Pinto também representa Portugal no Global Environment Facility e foi consultor na articulação de Portugal com o FMI no contexto do programa de ajustamento, co-financiado pelo FMI entre 2010 e 2014. Também é o representante de Portugal no Conselho de Doadores do Fundo Multilateral de Investimento e em alguns processos da Associação Internacional para o Desenvolvimento, do Banco Mundial.

Integra o Grupo Consultivo do Diretor do Departamento de Economia da Universidade de Coimbra, Portugal e o Grupo Consultivo do Programa de Parceria e Desenvolvimento da Fundação Calouste Gulbenkian.


Webgrafia:
http://www.worldbank.org/en/about/people/n/nuno-mota-pinto
https://www.dinheirovivo.pt/economia/nuno-mota-pinto-e-administrador-e-elege-novo-presidente-do-banco-mundial/
http://diasporaportuguesa.org/index.php/pt/component/content/article/55-conselheirosall/conselheiros/economia/391-nuno-mota-pinto-pt